terça-feira, 4 de outubro de 2011

Epístola



Estou próximo do limite.
Alguma mudança é necessária, já sinto isso há um tempo.
Parece que as coisas vão se afunilando.
Sinto a coragem trabalhando na reserva.

Será que consigo?  Será que posso?
Tantas coisas acontecendo. Qual é o real sentido?
Estou aqui, mas por vezes me sinto preso, ou melhor, me prendo.
É inadmissível estacionar nesse mundo onde o fluxo é interminável.

Veja as mensagens. Estou vendo.

Emociono-me com as atitudes de humildade assistidas do meu conforto.
Por que não estou lá se algo dentro de mim vibra?
Muitas estações se passaram e com elas o anseio de estar cada vez mais calado.
Estou ficando cansado das palavras. Ou elas de mim.


Quero um ato, um apenas e nada mais.
Diga que você também quer... Caminhe comigo.
Talvez o tempo de peregrinar sozinho já tenha passado.
Eu sei que existe mais...

Veja as mensagens. Estou vendo.

Não serei privado da vontade.
Essa roupa já está pequena para mim.
Tenho medo que o salto seja muito alto.
Já sinto isso há um tempo.

Veja as mensagens...



foto: André Auke
modelo: Jéssica Fogaça.

Um comentário:

David Iannini disse...

Oi! Está rolando um sorteio bacana no meu blog! Participa aê! O vencedor poderá escolher entre uma capa para iPad do Marc Jacobs ou o livro Icons da Louis Vuitton! Abraço!

http://acordeifashionista.blogspot.com/2011/11/concurso-cultural-bolsasdevalornet.html